O MELHOR DAS DUAS VIAGENS

Se você pode dispor de tempo razoável para conhecer o Egito, treze dias de viagem é mais que suficiente para se fazer o que eu chamo de “roteiro tradicional egípcio”, iniciando-se com o enfoque pelas maravilhas do Egito Antigo (Egito Faraônico, Egito Islâmico e Egito copta) e, posteriormente, um período de descanso para curtir as belezas naturais do Mar Vermelho e um dia de imersão na cidade de Alexandria.

Criei o roteiro para aqueles que, assim como eu, interessam-se pela história e cultura egípcia, passando pelos principais museus, mesquitas, igrejas, complexos arqueológicos e templos. Apenas no inverno não indico os passeios pelo Mar Vermelho em cidades como Hurghada, Sharm el Sheik, Marsa Alam ou Dahab. Apesar dos lugares paradisíacos e da rica vida marinha, o frio não te deixa aproveitar como se deve.
Caso você não tenha todo esse tempo de viagem, ou irá durante o inverno, concentre seu foco para conhecer a parte do Egito Antigo. Se puder estender seu destino por mais alguns dias, e quiser conhecer o Oasis de Siwa, acrescente mais três dias de viagem: dois para aproveitar o vilarejo e um para o trajeto de volta ao Cairo.
De um jeito ou de outro, pode ter certeza: o Egito é muito mais que pirâmides, você não vai se arrepender!

CHEGADA AO CAIRO

Não existe voo direto do Brasil para o Cairo. Das duas vezes que eu fui, optei por ir com a Turskish Airlines, com escala em Istambul. A Emirates, faz escala em Dubai. Então, você pode aproveitar e fazer um stop over bem legal por essas duas cidades se quiser, e deixar a viagem menos cansativa.

Se sair direto do Brasil, provavelmente você chegará ao Egito de madrugada ou no fim da manhã. Durante a madrugada, acredito que seja o melhor horário para se chegar, pois você evita o trânsito caótico e ainda pode descansar da viagem por algumas horas antes de iniciar os passeios no fim da manhã.

Se chegar ainda pela manhã, prefira passar o restante do dia descansando ou apenas explorando os arredores próximos da sua acomodação. É uma viagem longa, e os próximos dias serão intensos e cansativos. Com isso, descansar e se ambientar com o fuso-horário é super válido.

Eu sei que você vai estar louco para ver múmias e pirâmides, porém, vai por mim, prefira um tour mais tranquilo no primeiro dia, mas igualmente rico de conhecimento.

CAIRO


  • DIA 1:

Minha sugestão é começar por volta das 10h da manhã, inicie o passeio pelo bairro copta, com uma parada rápida para o almoço ou lanche e depois siga para o bairro islâmico do Cairo.

Bairro copta:  Visite a Igreja da Santa Maria Suspensa, a Igreja de São Jorge e a Igreja de São Sérgio (entrada gratuita). Em seguida, conheça o Museu Copta do Cairo, que abriga a maior coleção de artefatos cristãos egípcios do mundo. (tempo estimado de passeio: 3 a 4 horas).

(pausa para almoço)

Bairro islâmico: eu visitei a Mesquita de Amr Ibn Al-as, mas você pode optar por conhecer a Mesquita Al-Azhar, (ambas possuem entrada gratuita, com tempo estimado do passeio: 40 min a 1 hora).

Mercado Khan el Khalili: mercado construído no século XV e o mais famoso do Egito. Além de passear pelas vielas e muralhas, é o local ideal para fazer algumas compras nas lojinhas, e aproveitar para jantar em algum dos restaurantes, como também provar o famoso narguilé (entrada gratuita, tempo estimado do passeio: 3 horas).

  • DIA 2:

Complexo de Gizé: no planalto de Gizé, você desfrutará da energia incrível de conhecer as pirâmides de Quéops, Quéfren e Miquerinos, além da famosa Grande Esfinge de Gizé (tempo estimado do passeio: 3 a 4 horas).

(pausa para um lanche ou almoço)

Museu Egípcio do Cairo: inaugurado em 1902, reúne cerca de 120 (cento e vinte) mil artefatos do Egito antigo, tais como: múmias de todo o tipo, sarcófagos, esculturas, a famosa sala das múmias, que reúne as múmias das principais personalidades do Egito Antigo e sala dos tesouros de Tutancâmon. (tempo estimado de passeio: 3 a 4 horas).

  • DIA 3:

Durante a manhã visite duas atrações gratuitas: o Aisha Fahmy Palace, uma mansão de arquitetura Italiana na beira do rio Nilo, que respira arte e vida. Após isso, dirija-se ao Abdeen Palace, a antiga habitação da família real egípcia, que contém o Museu de Armas, Museu da Família Real e o Museu dos Presentes Presidenciais (tempo estimado para as duas atrações: 4 horas).


(pausa para almoço)

Cidadela de Saladino ou Cidadela do Cairo: um dos pontos turísticos mais importantes do Cairo, construída no século XII pelo líder mulçumano Saladino para proteger a cidade dos ataques europeus e das Cruzadas. É dentro da Cidadela que você encontrará a Mesquita de an-Nasr Mohammed, a Mesquita de Mohammed Ali, além do Museu Militar. A vista da cidade é de tirar o fôlego! Vale a pena investir um tempinho nas fotos (tempo estimado do passeio: 3 horas).

Parque Al-Azhar: de lixão por mais de 200 (duzentos) anos a um dos 60 (sessenta) parques mais lindos do mundo, com uma vista espetacular da Cidadela de Saladino e um por do sol super disputado no Cairo. (tempo estimado do passeio: 2 a 3 horas).

Torre do Cairo: torre construída no início da década de 60, com 187 metros de altura, que te dá uma visão panorâmica do Cairo e um pôr do sol inesquecível (tempo estimado do passeio: 1 hora).

ASWAN


Se você for de avião, é aconselhável sair de madrugada do Cairo em direção a cidade de Aswan ou Assuão, que fica ao sul do Egito (mais ou menos 1 hora e 30 minutos de viagem). Caso prefira ir de trem, deverá pegar o trem que parte da estação de Ramsés no início da noite do dia anterior, chegando a Aswan entre 7 e 8 horas da manhã (cerca de 14 horas de viagem).

  • DIA 4:

Pela manhã: Visita a barragem de Aswan e templo de Isis (Philae Temple);

Check in cruzeiro pelo Nilo: você pode optar por não fazer o cruzeiro, ficar um dia e meio conhecendo as atrações de Aswan e arredores. Posteriormente, conhecer todas as atrações e cidades que o Cruzeiro para ao longo do trajeto que faz até chegar à cidade de Luxor.

Entretanto, perderá um dos melhores passeios que fará pelo Egito. Além do inegável custo-benefício e a praticidade, o Cruzeiro pelo Nilo é uma experiência incrível e ótimo para descansar após os dias corridos pelo Cairo. Portanto, faça! Você não vai se arrepender.

No período da tarde, descanse da viagem e aproveite para conhecer melhor o cruzeiro.

A noite, após o jantar no Cruzeiro, saia para passear pelo Mercado Antigo de Aswan. Aproveite para provar doces típicos e ainda fazer mais comprinhas!

  • DIA 5:

Abu Simbel: cerca de 3 horas de distância de Aswan, o templo de Abu Simbel é ponto obrigatório para todos os viajantes. As vans e ônibus de turistas costumam sair de madrugada, retornando ao cruzeiro próximo do meio dia.

(almoço no cruzeiro)

Durante a tarde, descanse da viagem para Abu Simbel, e aproveite as atrações do Cruzeiro.

À noite, passei pela orla de Aswan e também pelo mercado antigo, se desejar.

  • DIA 6:

Pela manhã, visite a Vila Núbia e o jardim botânico de Aswan, atrações que ainda farão você curtir um ótimo passeio de barco pelo Rio Nilo.

Almoço no cruzeiro e início da navegação pelo Nilo

No fim da tarde, o cruzeiro parará para uma visita ao templo de Kom Ombo: templo dedicado ao Deus Sobek e aos crocodilos. Não deixe de ir ao Museu dos Crocodilos no mesmo local.

Jantar e noite no cruzeiro.

  • DIA 7:

Pela manhã você visitará o templo de Edfu, dedicado ao Deus Hórus.

A tarde pode aproveitar o cruzeiro, enquanto navegam rumo a Luxor, antiga cidade de Tebas.

A noite, ao desembarcar em Luxor, fará check in em alguma acomodação de sua preferência na cidade, e poderá visitar o templo de Luxor, que é lindo a noite.

LUXOR


  • DIA 8:

Passeio de balão: se surpreenda com a experiência de sobrevoar o Vale dos Reis, Templo de Hatshepsut e o Rio Nilo. Mas, esteja preparado para acordar as 3 horas da manhã. Juro que valerá o esforço!

Após isso, conheça os Colossos de Memnon e siga para o Vale dos Reis, momento em que além do ingresso normal de entrada para o sitio arqueológico, você ainda poderá comprar o ingresso adicional para entrada na tumba de Tutancâmon, onde inclusive, estão os sarcófagos e a própria múmia do reizinho mais top do Egito.

Depois, siga para o Templo de Hatshepsut, monumento dedicado a uma faraó mulher do Egito.

Volte para sua acomodação, tome um banho rápido, arrume a mala e faça check out.

Após isso, visite o Templo de Karnak, o maior e mais famoso templo da cidade de Luxor.

Após um lanche rápido ou “almojanta”, pegue um ônibus (utilize as viações go bus ou blue bus) em direção a cidade de Hurghada, no Mar Vermelho. Você chegará a Hurghada bem tarde da noite (cerca de 06 horas de viagem), fará check in no local escolhido e descansará da viagem.

HURGHADA


  • DIA 9:

Se for ficar em algum resort all inclusive, sugiro passar o dia na beira da piscina ou na praia privativa do resort, comendo e se recuperando da viagem e passeios em Luxor (você encontra ótimas acomodações e com preços muito acessíveis reservando com antecedência pelo Booking).

Caso contrário, você pode passar o dia em alguma praia privativa de Hurghada, como a Beach dream, um balneário privativo com toda estrutura turística.

No período noturno, você pode explorar o Centro de Hurghada, ao longo da Sheraton street. São diversas opções de restaurantes, cafés, praças e lojas de presente.


  • DIA 10:

Passeio pela Ilha de Giftun: ainda nas primeiras horas da manhã, você pegará um iate e navegará pelo Mar Vermelho em direção à Ilha de Giftun. Paisagens paradisíacas, diversa vida marinha, um mar com mil tons de azuis, duas paradas para mergulho com snorkel e uma praia impossível de esquecer. Geralmente no passeio está incluso o almoço e bebidas não alcoólicas (tempo estimado do passeio: oito horas).

Durante a noite, sugiro um passeio pela marina de Hughada, além do local ser super bonito aconchegante, tem diversos restaurantes para jantar.


  • DIA 11:

Se gostar do estilo do passeio, pela manhã pode visitar o Hurghada Grand Aquarium (tempo médio do passeio: duas horas e trinta minutos).

Caso contrário, pode aproveitar um pouco mais do resort e para arrumar as malas para embarcar para o Cairo.

Após o almoço, embarque em uma viagem de aproximadamente seis horas para o Cairo.

Aproveite a noite para descansar e se preparar para o próximo dia.

ALEXANDRIA


  • DIA 12:

Indico passar o dia em Alexandria para aproveitar duas atrações que mais gostei quando visitei a cidade. Assim, embarque bem cedo para a cidade de Alexandria de trem ou de ônibus (aproximadamente duas horas e trinta min de viagem).

Conheça a Biblioteca de Alexandria e os Museus que existem integrados a ela ainda pela manhã.

Almoce em um dos restaurantes da orla de Alexandria, o famoso corniche (calçadão) de Alexandria. É o momento para aproveitar para comer peixes e crustáceos por um preço incrivelmente barato.

A tarde, conheça a cidadela de Qaitbay e o forte de Alexandria, local onde existia o famoso farol de Alexandria, uma das setes maravilhas do mundo antigo.

Veja o por do sol na orla de Alexandria, contemplando o mar mediterrâneo e volte para o Cairo de ônibus ou trem.

CAIRO


  • Dia 13:

Visite Memphins, Saqquara e Dashur: deixe para contratar esse passeio quando estiver no Cairo, preferencialmente faça um tour privado, pois assim irá aproveitar cada atração sem pressa. No centro da cidade existem milhares de agências que realizam esse passeio a preços acessíveis (duração do passeio: 5 a 6 horas).

À noite, siga para o aeroporto para embarcar de volta para o Brasil ou para o seu próximo destino. É hora de dar tchau a terra de Tut.


Não dispõe de 13 (treze) dias para viajar pelo Egito? Não se preocupe! Eu fiz um roteiro reduzido, com as principais atrações que todo viajante que se preze não pode ir embora sem conhecer, clique aqui para conferir.

Quer visualizar como foi essa viagem incrível? Siga a @agarotaviajante no Instagram e corre nos meus stories fixados no perfil e nas fotos para se deliciar com as histórias que contei por lá!